domingo, 16 de novembro de 2008

Má prestação de serviço da Telefonica!

CONTRA A TELEFONICA


Amanhã completaria o segundo mês sem nenhum texto neste blog. Triste reparar que, comprimido pelos compromissos, a gente não tem tempo nem para escrever aqui.

Mas nunca tive mesmo o propósito de fazer um PERIÓDICO. Isto eu deixo para o Roberto Carlos (ele ainda grava um disco por ano?), para o Woody Allen...

Deixei de escrever realmente por falta de tempo, não por falta de assunto.

Enquanto cidadão, até os poucos contratos que mantenho com estas empresas me tomaram tempo (NOSSA CAIXA, ITAÚ e MOTOROLA), além, é claro desta empresa que lesa o maior número de paulistas, por anos seguidos, conforme muitas e muitas publicações do cadastro anual do PROCON.

Com o Itaú e a Nossa Caixa o problema é a cobrança de TARIFA DE RENOVAÇÃO DE CADASTRO - para mim, abusiva e ilegal.

Com a Motorola o problema é que a desgraça já aconteceu na primeira vez que compro um aparelho - e ainda para dar de presente - o bichinho tá pela terceira vez na assistência técnica, que nada resolve. Por fim, a empresa diz que só pode trocar por um de outra cor - mais feio, em nosso parecer - e que não está disposta a devolver o dinheiro. Sabemos que quando o cidadão vai ao Juizado ou ao PROCON ela devolve, mas quem topa esperar por horas numa fila, meses pela solução, além das idas e vindas? (ainda com todas as "custas" por conta do já lesado). E como NADA de realmente efetivo é feito contra esta situação, o fornecedor faz seu cálculo e não altera sua má conduta.

Aproveito para render homenagem aos que dedicam seu tempo nas filas dos PROCONS e dos JUIZADOS, aos que escrevem para os jornais, aos que lutam para obter justas indenizações, contra mentes doentias e olhos míopes - enfim, aos que tentam mostrar às empresas que nem todo mundo é tão bobo quanto ela imagina que seja.

Também registro que entendo aqueles que, embora lesados, deixam de lado muitos litígios, para tratar de seus interesses mais prementes.

Com a Telefonica, o problema é de cobrança indevida - para menos, acreditem! E nem isso eles resolvem! Transporto para cá, mais ou menos, a mensagem que enviei hoje ao OMBUDSMAN da empresa:

Utilizo linha discada para acesso à internet. Até poderia usar o “ internet ilimitada”, mas a empresa "opta" por oferecer este só a quem usa Windows, do qual me livrei, com prazer, há um ano!

Pois desde a conta 09/2008, a Telefonica deixou de lançar cobrança de todas as minhas ligações de acesso à internet, que faço pelo YAHOO. Até então cobravam normalmente, e eu pagava sempre contas de mais de R$100,00 - agora chegam contas em torno de R$60,00.

Ao receber a primeira fatura com este problema, simplesmente aguardei, imaginando que na de outubro de 2008 seria feita a retificação.

Como esta não ocorreu, reclamei pelo próprio "site" da empresa, em um canal bem escondido ali, usando os 112 CARACTERES que a empresa disponibiliza para o cliente se expressar. Mediante o registro do protocolo, houve promessa de "breve retorno", o que até hoje espero, em vão.

Há alguns dias recebi a conta 11/2008, com o mesmo problema. Como não encontrava o papel com o número do protocolo anotado, me sujeitei a ligar para a CENTRAL DE ATENDIMENTO DESTA EMPRESA - serviço que não presta. Depois de perda de tempo e passagem obrigatória por "menus eletrônicos", atendeu um cabra. Pedi a ele que simplesmente me dissesse o número do protocolo anteriormente registrado, depois de expor brevemente qual seria o problema. Ele forneceu o número do protocolo e perguntou se "eu queria falar com o setor de contas". Ponderei que não só eu mas como também os que trabalham na empresa deveríamos ter interesse na solução do problema. Ele, então, transferiu a ligação, que logo caiu!

DEPOIS DISSO, NINGUÉM DA TELEFONICA RETORNOU.

Ficam então meus protestos:

1)falta de cobrança de ligações de acesso à internet por linha discada;
2)espaço pequeno demais para exposição da reclamação;
3)central de atendimento que NÃO PRESTA;
4)falta de disponibilização do “internet ilimitada” para quem usa LINUX;
5)especialmente contra este SISTEMA DE MENUS ELETRÔNICOS, que a empresa diz estar implantando, justamente em um momento em que o GOVERNO FEDERAL está tentando humanizar os "call centers", obrigando as empresas a colocar o ATENDIMENTO humano como primeira opção, evitar transferência de ligação de atendente para atendente, etc. A TELEFONICA SEMPRE NA CONTRA-MÃO DA LEI!

Ao enviar a mensagem à empresa, recebi o seguinte retorno AUTOMÁTICO:

Obrigado.
Seus dados foram enviados corretamente
e em breve nossa equipe entrará em contato com você.

Nenhum comentário: