sábado, 24 de maio de 2008

Palavra de "especialista"...

Sobre o tema tratado aqui nos últimos dias, o quarto poder, a mídia conservadora, como sempre faz, recorreu aos seus "especialistas".

E, claro, ao DOUTOR Ives Gandra.

Ele diz que tem que haver o leilão.

Leiam a reportagem!

Há quem diga que um dos grandes atrativos da NOSSA CAIXA são 16 bilhões de depósitos judiciais, e que estes devem ficar sempre em banco público, segundo a lei. Talvez, esta seja nossa sorte.

Mas reitero. Pode haver leilão, mais ou menos nos moldes das privatizações de estrada - MENOR PREÇO AO CONSUMIDOR FINAL. O ganhador, mais do que entregar um "pacotinho" inicial, para depois ficar sugando o povo por anos, deverá se comprometer a cobrar menos tarifas, cobrar menos juros, operar com menos filas, contratar número adequado de funcionários para lidar com cada grupo de clientes, contratar por concurso (sem discriminação de idade, aparência ou qualquer outra), ter menos reclamações nos órgãos de defesa do consumidor, etc.

Duvido que, nesta direção - não na do LUCRO - os banqueiros topem!

Em tempo: Lembram-se da ADIN DOS BANCOS?

Pois, segundo ESTA e outras notícias, Doutor Ives é o mesmo que defendia a FEBRABAN e demais que não queriam a aplicação do CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR PARA O DITO "SETOR BANCÁRIO"!!!!

Um comentário:

Rodrigo Xande disse...

Mais uma venda da propriedade PÚBLICA (de todos) !!!
This is the Serra's Way of Government !
Vamos vender o pouco que resta ! Nossa Caixa, CESP...
Só tenho uma coisa a dizer:
"Nóis não vamo pagá naaadaaaa
É tudo free
Tá na hora, é tudo free"
Sr.Governador: o senhor é um fanfarrão !